PINTURA DE CRIANÇA A PASTEL SECO PASSO A PASSO



Criança pintura a pastel seco

Criança pintura a pastel seco



Pintando uma criança com
Pastel seco

Vou apresentar aos amigo(a)s mais uma aula de como usar o pastel seco para pintar um retrato de uma criança. Como havia em matérias anteriores acentuado as dificuldades que a maioria dos meus alunos possuem para pintar e desenhar o rosto de uma criança, devo salientar a importância do desenho base para que possa oferecer todo o suporte necessário para a elaboração de uma pintura a qual transmita com total segurança a expressão infantil procurando assim fugir dos traços mais fortes que distinguem do rosto adulto. Para esse propósito a necessidade de procurar ser atencioso e detalhista no desenho base quando se trata dos músculos suaves que definem o rosto infantil procurando dar destaques a essa área como tenho em artigos anteriores explicado em detalhes.

Depois de efectuado o desenho base seguindo as técnicas que apresento nesse blog em artigos anteriores, vamos partir para a aplicação do pastel base transformando a barra do pastel em pó usando para esse meio o sistema de raspagem utilizando o x-ato como podem ver na fotografia.

Criança pintura a pastel seco

Criança pintura a pastel seco

Depois do processo de raspagem utilizaremos os dedos para espalhar o pastel cobrindo toda a área equivalente ao rosto da criança.

Criança pintura a pastel seco

Criança pintura a pastel seco

Agora vamos com o auxilio do lápis a pastel efetuar o desenho do rosto efectuando através das sombras os efeitos de luzes e contrastes. Tenha atenção a forma de aplicar as sombras para que fiquem uniforme e sem variar muito na tonalidade.

Criança pintura a pastel seco

Criança pintura a pastel seco

Atenção as áreas que definem as bochechas e a suavidade das formas do nariz.

Criança pintura a pastel seco

Criança pintura a pastel seco

Depois da aplicação das sombras iniciaremos a colocação do pastel vermelho que ao se misturar com o pastel base aplicado anteriormente atribuirá mais brilho e vivacidade ao rosto.

Agora com o uso do pastel cor de laranja efetuamos mais uma aplicação para que depois possa ser misturado com o vermelho e o pastel base colocado no inicio do trabalho.

Criança pintura a pastel seco

Criança pintura a pastel seco

Depois das aplicações usando os dedos comece a espalhar o pastel criando uma mistura com as outras cores.

Criança pintura a pastel seco

Criança pintura a pastel seco

Vamos usar o branco para explorar luzes e criar um maior volume ao rosto e consequentemente suaviza-lo.

Criança pintura a pastel seco

Criança pintura a pastel seco

Com um lápis a carvão da serie B efetuamos a colocação das pestanas e dos olhos misturando depois com os dedos.

Criança pintura a pastel seco

Criança pintura a pastel seco

Criança pintura a pastel seco

Criança pintura a pastel seco

Criança pintura a pastel seco

Criança pintura a pastel seco

Criança pintura a pastel seco
Criança pintura a pastel seco

Criança pintura a pastel seco
Criança pintura a pastel seco

Criança pintura a pastel seco
Criança pintura a pastel seco

Criança pintura a pastel seco
Criança pintura a pastel seco

Entramos na fase da maquiagem para dar brilho e cor ao rosto e a tonalidade aos lábios.

Criança pintura a pastel seco

Criança pintura a pastel seco

 

Relativo aos cabelos criamos as formas e fios usando um lápis pastel castanho escuro semelhante ao usado para criar sombras ao rosto no inicio do trabalho.

Espero que tenham gostado dessa breve aula e não se esqueçam de visitar as anteriores das quais poderão retirar determinadas dúvidas, caso tenham ficado algo indefinido. Encontraram também diversas aulas de desenho de retratos a lápis grafite e pinturas de retratos usando a magnifica técnica da aquarela, tudo explicado de forma clara e pormenorizada.
Agradeço a atenção de vocês e a oportunidade de poder ensinar e repassar os meus conhecimentos e experiência adquirida. Não desistam, continuem praticando e explore bem o blog para poder assimilar melhor essa técnica. Obrigado e até a próxima.

Anildo Motta

COLABORE, DIVULGUE. OBRIGADO!

Share

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *